#influencia: Felipe Gasnier (Eterno)

Howlin' Records

Template

#influencia: Felipe Gasnier (Eterno)

Senhoras e senhores,

Felipe Gasnier do Eterno com a palavra sobre ‪#‎INFLUENCIA‬ na sua guitarra:

Playlist lindassa: https://goo.gl/VuNDkD

Há 20 anos atrás decidi tocar guitarra quando ví caras como o Kirk Hammett e o Slash, eram os melhores e mais legais para mim. Claro que nunca consegui ter aquela técnica toda, só não desisti porque conheci o Nirvana e Ramones, então tudo mudou.
Gosto muito de tocar, é a coisa que mais gosto na vida, mas como me envolvi muito com o mercado da música não sobrou muito tempo para ter uma banda, viajar, gravar discos e tal. Está nos meus planos de 2016 para frente focar forte em compor e gravar!
Para mim é complicado falar da parte técnica, de pedais, guitarras e mimimi, não sou técnico e foco muito mais no feeling, na expressão artística, na emoção… vai ficar claro isso ao ler a lista dos guitarristas que me influenciam.

Jeff Buckley: EMBASSADO! Esse cara tocava muito! Uma pena não estar mais entre nós, comprei uma fender igualzinha a dele de tanto que curto, que infelizmente roubaram a coitada. Mesmo quando ele afinava em ré a melodia soava leve e melódica, doidera! Sem contar a voz fenomenal que ele tinha.

J Mascis (Dinosaur Jr): Piro demais no J, não quero entrar no assunto dos solos e nem da quantidade de amplies e pedais dele, isso é papo para muitas linhas. Admiro muito as composições, a harmonia, as notas inusitadas, as mudanças de ambiente nas músicas. Acho ele um gênio tanto no Dinosaur Jr como na carreira solo.

Steven Drozd (Flaming Lips): Um dos guitarristas mais criativos da lista, gosto dos caras que customizam suas guitarras, inserem efeitos malucos, inventam pedais, fazem mil e uma com a guittarra. Ele e o Wayne formam uma dupla de guitarristas bem impar no quesito criatividade. E assim como o Frusciante, ele tem uma história pesadassa com heroína, talvez seja o segredo heheh… Olha esse pedal que loco: https://www.youtube.com/watch?v=1HgxLXqpR_U

Isaac Brock (Modest Mouse): É o tipo de guitarrista que você reconhece só pelo jeito de tocar, adoro a forma como ele usa alavancas e harmônicos sem ficar brega! Ele usa umas guitarras feias pra caramba, mas é uma baita compositor.

Rafael Crespo (Planet Hemp / Polara): Faço questão de colocar um guitarrista brasileiro e que ví muitas vezes tocar. O Rafa é um dos primeiros do brasil a sacar o que é bom (pelo menos para mim) se você puxar todas as gravações dele você vai sentir referências desde Beastie Boys, Sonic Youth, Cap’n Jazz, entre outros. Me inspirou muito! Valeu Rafa!

Gori (Fun People): Direto da argentina o Gori me influenciou muito, uma guitarra simples e ao mesmo tempo: pesada, rápida, alegre, barulhenta, melancólica e agressiva. A guitarra do Gori e tão alto nível quanto a voz do Nekro. Já ví uns caras criticando, mas vai lá nos anos 90’s e grava o que ele gravou, vai…

Lee Ranaldo (Sonic Youth): Quando montamos o Eterno a idéia era ser algo entre Sonic Youth e Pixies mas, de toda essa galera o que sempre me chamava atenção era o Lee. E nos momentos de doidera do Sonic Youth parecia que ele ali no canto quietinho era o “maestro noise” da coisa, gostava muito de tentar entender o tanto de botões que ele mexia, cada barulho estranho que saia da guitarra. Hoje é o que mais busco aprender. Eu também gosto das guitarras podres dele, com fitas, afinações escritas na guitarra ehehee… Eu achava style demais e não é atoa que a minha é assim hehee. Vale pegar para ouvir todos discos solo dele, é tão bom quanto o SY.

John Frusciante: Se fosse para listar apenas 2 seria o Frusciante e o George Harrison. O J.F é único, talvez o que mais me atrai nele é a questão do violão clássico. Minha familia é muito musical e consumi muito tipo de música mais erudita quando pequeno. O Frusciante faz muito acorde dissonantes, toca uma guitarra como se fosse um pianista. Sem contar que é uma maquina de hits, é nítido que com ele no Red Hot, a banda atinge outros ares.

George Harrison: O MELHOR.
“I look at you all
See the love there that’s sleeping
While my guitar gently weeps”

Bom é isso.

PS: Ai caramba! E o Guy Picciotto? E o Omar Rodriguez? E o Hendrix?!!!!!

Ouça Eterno aqui: https://eternoeternoeterno.bandcamp.com/releases